Sulamericano Infantil e Juvenil

Os resultados detalhados da competição podem ser vistos no site da Federação Argentina de Tênis de Mesa. A CBTM ainda não divulgou nem as chaves, sorteadas segunda-feira.

http://www.fatm.org.ar/files/Resultados%20martes.xls

Valeu. Eu tava procurando por isso

Abraço

Valeu! Eu também.

Obrigado.

Muitos não achavam que o juvenil feminino poderia nem chegar entre os melhores do Sul-Americano e para nossa grata surpresa foi a única de nossas seleções que conquistou a medalha de ouro por equipes!

Olho no Chile, Equador, Venezuela e cia…, o trabalho de base deles está muito bom!!!

Para acompanhar os resultados atualizados:

http://www.fatm.org.ar/index.php?sec=32

Já estão no site os resultados das duplas e duplas mistas.

pô, o brasil nao ganhou nenhum titulo de duplas… tá [email protected]!

é caro amigo alexandre os outros paises estao tabalhando!!!na base
estamos perdendo a soberania na america do sul nas categorias dbase…com essa cbtm apergunta é o adulto tb pode perde??

Até quando iremos continuar dependendo da CBTM?
ou de um talento especial de alguém…
Temos excelentes jogadores nessas categorias, mas não temos acompanhamento, desenvolvimento, estatisticas, e estamos atrasados com tudo isso. Até quando continuaremos a depender de iniciativas individuais.

E pelo visto já já veremos um campeão panamericano paraguaio…

Deprimente
Juvenil Maaculino perdeu sua hegemonia
ganhava sul-americano faz uns 5 ,6 anos seguidos
dai o Brasil ganha de 3 a 0 do Chile no grupo e toma 3 a 0 do mesmo
na final…Brincadera viu!

E pelo visto já já veremos um campeão panamericano paraguaio…[/quote]

verdade eim!!!

ta tendo a final infantil femenina entre a brasilera e a peruana, pode sair uma medalha de ouro pro brasil, mas por motivos obvios torco pra peruana, sou sparring dela de vez en cuando.
Se alguem souber o resultado por favor publique aqui, as webs da argentina tao muito lenta pra atualizar
obrigado

A medalha de ouro ficou com o Peru.

No Juvenil masculino, o chileno Matías Contreras venceu na final o equatoriano Alberto Miño, por 4x2.

Valeuuu! o pessoal daqui vai ficar muito contente, o Brasil ta precupado q perdeu muitas finais, e no Peru a gente mal consegue chegar nas semis, qualquer medalha vale muito aqui…Brigadao!

Resultados do Infantil

O atleta Eric Jouti, foi o campeão no Individual Masculino, vencendo o chileno Manuel Moya por 4x3, foi uma partida emocionante, pois o Eric abriu a vantagem de 3x1, porém Moya voltou a equilibrar a partida em 3x3, e ganhou o 7º set por 11x06. Veja o resultado abaixo:
8º Eric Jouti x Gustavo Gomes(nº 1 do Chile) 4x1
4º Eric Jouti x Juan Manuel Daher (nº 2 da Argentina) 4x0
Semi Final Eric Jouti x Alonso Shimabukuro (nº 1 do Peru) 4x3
Final Eric Jouti x Manuel Moya (nº 3 do Chile) 4x3
No feminino a Atleta Katia Kawai foi vice campeã, perdendo para atleta do Peru.

Parabéns ao atleta Eric Jouti, de apenas 13 anos!

A nova geração que está vindo do mirim masculino pode ser a próxima geração vitoriosa do Brasil…olho nos mais jovens…

Tempos bons quando era treinador da Seleção Brasileira Infanto-Juvenil. Tive a honra em dirigir atletas como: Thiago Monteiro, Hugo Hanashiro (este inclusive quando ainda era infantil e venceu o Latino-Americano Juvenil em Cuba)…

Nesta época o Brasil sempre ganhava as maiorias das medalhas de ouro e sempre tinha 3 brasileiros no podium.

Parabéns novamente ao Eric e aos seus pais!!! O apoio da familia é tudo.

RESULTADOS COMPLETOS DO SUL-AMERICANO INFANTIL E JUVENIL NA ARGENTINA:

Juvenil masculino individual:

Campeón: Matías Contreras (Chile)

Finalista: Alberto Miño Puga (Ecuador)

Semifinalista: Renan Wiest (Brasil)

Semifinalista: Fernando Yamazato (Brasil)

Juvenil femenino individual:

Campeón: Sandy Gavilán (Paraguay)

Finalista: Paula ávalos (Chile)

Semifinalista: Blanca Durán (Chile)

Semifinalista: Karen Rojas (Chile)

Infantil masculino individual:

Campeón: Eric Jouti (Brasil)

Finalista: Manuel Moya (Chile)

Semifinalista: Alonso Shimabukuro Gayika (Chile)

Semifinalista: Marco Rosas (Venezuela)

Infantil femenino individual:

Campeón: ángela Mori Rios (Perú)

Finalista: Katia Kawai (Brasil)

Semifinalista: Nadia Quiñones Saif (Perú)

Semifinalista: María Claudia Soto Blanco (Perú)

Dobles juvenil femenino:

Campeón: Sandy Gavilán – Lucero Ovelar (Paraguay)

Finalista: Roxy Gonzáles – Jennypher Orellana (Venezuela)

Semifinalista: Ana Codina – Karen Konig (Argentina)

Semifinalista: Paula ávalos – Daniela Reinero (Chile)

Dobles infantil femenino:

Campeón: María Claudia Soto – Angela Mori Ríos (Perú)

Finalista: Katherine Low – Cristal Meneses (Chile)

Semifinalista: Samanta Revelo Rivadeneira – Daniela Chinizaca Veloz (Ecuador)

Semifinalista: Nadia Quiñonez Saif – Silva León Dávila (Perú)

Dobles juvenil masculino:

Campeón: Alberto Miño Puga – Dino Suárez (Ecuador)

Finalista: Paulo Rocha – Renan Wiest (Brasil)

Semifinalista: Christopher Cartagena – Marcelo Fernández (Chile)

Semifinalista: Felipe Olivares – Matías Contreras (Chile)

Dobles infantil masculino:

Campeón: Axel Gavilán – Santiago Osorio (Paraguay)

Finalista: Gustavo Gómez – Fabián Castro (Chile)

Semifinalista: Max Ponce – Manuel Moya (Chile)

Semifinalista: Marco Rosas – Jan Medina (Venezuela)

Dobles mixtos infantil:

Campeón: Alonso Shimabukuro Gayika – Angela Mori Rios (Perú)

Finalista: Eric Jouti – Caroline Kumahara (Brasil)

Semifinalista: Ismael Pesantes – Daniela Andrade (Ecuador)

Semifinalista: Jeff Yamada – Karin Fukushima (Brasil)

Dobles mixtos juvenil:

Campeón: Felipe Olivares – Blanca Durán (Chile)

Finalista: Fernando Yamazato – Karin Fukushima (Brasil)

Semifinalista: Paulo Rocha – Leine Agata (Brasil)

Semifinalista: Matías Contreras – Karen Rojas (Chile)

Equipos masculino juvenil:

Campeón: Chile (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Finalista: Brasil (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Semifinalista: Ecuador (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Semifinalista: Venezuela

Equipos femenino juvenil:

Campeón: Brasil (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Finalista: Paraguay (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Semifinalista: Chile (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Semifinalista: Perú

Equipos masculino infantil:

Campeón: Paraguay (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Finalista: Brasil (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Semifinalista: Argentina (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Semifinalista: Perú

Equipos femenino infantil:

Campeón: Ecuador (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Finalista: Brasil (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Semifinalista: Perú (Clasificó para el Campeonato Latinoamericano)

Semifinalista: Chile

CLASSIFICAÇÃO FINAL POR MEDALHAS

PAIS OURO PRATA BRONZE TOTAL

  1. Paraguai 4 1 0 5

  2. Chile 3 4 10 17

  3. Peru 3 0 5 8

  4. Brasil 2 7 4 13

  5. Equador 2 1 3 6

  6. Venezuela 0 1 3 4

  7. Argentina 0 0 2 2

  8. Uruguai 0 0 0 0

Eu esperava um melhor desempenho do Brasil.

Mas o desempenho nas duplas foi muito ruim, e em equipes só o juv. feminino ganhou ouro.

Juv. masculino eu acreditava que seriam campeões por equipes.

No juvenil feminino eu não conheço todas as atletas, mas a Sandy Gavilan me pareceu ser a favorita desde o principio.

Um comentário que não poderia passar depercebido, embora não tenho muita experiência internacional, pois somente estive no Pré infantil do Paraguay 2007 e nesta da Argentina, mas pude acompanhar os infantis que jogaram tanto no Paraguay e na Argentina e notei uma importante evolução na técnica de jogo, pois há um ano a maioria deste jogadores apenas batiam na bola (pigpongueiros), porém hoje apresentaram golpes de drives e backhands com controle e velocidade. Este fato também ocorreu na equipe feminina, porém não na mesma intensidade. Pareciam o Tiago e o Tsuboy jogando.
Além disso, estive conversando com o pessoal do Chile, e disseram que estão preparando já há vários anos, com estrutura de treino e investimento na seleção, principalmente na de menores. Perguntei também a um atleta de como era a estrutura para o campeonato Sulamericano, ele disse que estão treinando há muito tempo e durante o campeonato analisam todos os jogadores e seus estilos, pontos forte e pontos fracos. Todos os dias realizam reunião técnica para análise dos jogos que aconteceram e para os próximos.
Fiquei impressionado com o nivel de organização da equipe Chilena, estão colhendo os frutos que plantaram.