Solução para backhand

Eu tenho uma raquete cuja combinação está sendo:

Madeira: Sanwei H10 (1-ply Hinoki)
Forehand: Nittaku Fastarc G-1
Backhand: Yinhe Moon Pro

Comecei a treinar com ela recentemente, mas meu treinador falou que, apesar da minha boa regularidade nos movimentos, meu backhand estava indo na rede com frequência mais por conta do equipamento. Ele acha que essa borracha (Yinhe Moon) ficou muito lenta.
Então, estou na dúvida de qual usar no lugar dela. Não sei se pego outra da mesma série da Fastarc, porém mais macia que a G-1 ou se tem outras opções melhores, considerando a própria G-1 é uma borracha media-dura (47,5°).

Boa noite,

Solução para backhand? Treinar até o problema com a borracha ser o desgaste hahahahahahah.

Mas enfim, se vcs realmente acham que se trata de inadequação, um possível início de “solução” é simplesmente girar a raquete. Se for mesmo um problema com a borracha do backhand, não deveria ser usando a borracha do forehand. Se for o caso, estará respondida a sua pergunta.

A curiosidade de testar o forehand no backhand e vice versa é algo saudável para experimentar uma sensibilidade diferente, e vc pode acabar descobrindo que algo que te dê mais confiança já está nas suas mãos. Mesmo jogadores profissionais às vezes fazem isso, mas nesse caso, pq conseguem sentir diferenças mais significativas entre exemplares de um mesmo modelo e alteram os lados para ver se sentem maior conforto. Mas acredite: quando achar um lugar confortável, evite ficar procurando outro, a menos que essa sua diversão no esporte.

Abraços!!!

1 Curtida

Fala, Alcir! Valeu!
É exatamente isso que eu tinha decidido testar, antes de ler seu comentário. Eu já usei a Fastarc G-1 no backhand em outra raquete que tem no forehand a Sanwei Target National, e achei que funcionou bem. Senti que a Target ficou muito boa no FH, com uma madeira veloz.
Depois, li num outro fórum falando da similaridade entre a Target National e a Moon Pro e que ambas dariam para usar no forehand. Então, pensei nessa mesma ideia que você deu. Apenas pesquisei mais sobre a dureza das borrachas e, por incrível que pareça, até nisso a inversão pode funciona, porque a Yinhe Moon Pro, mesmo na versão média, é um pouco mais dura que a G-1.

É bom quando a gente resolve as coisas sem gastar dinheiro. kkkkkkkk

Usei g1 no BH e FH por muito meses e hoje ainda uso no BH e, de fato, é uma borracha que se adequa muito bem para qualquer uma das hipóteses, principalmente por ser muito linear e pouco sensível ao efeito.
Também não me preocuparia com a dureza, pois apesar dos 47.5º, por não ser uma borracha muito reativa, é bem fácil de se adequar a ela no BH (diria até que é onde ela realmente brilha).

1 Curtida

Valeu, Tiago. Isso me dá boas perspectivas.

Eu gosto um tanto de borrachas duras. Tive algumas experiências negativas, mas depois percebi que elas exigem uma técnica mais apurada e outro problema (significativo) era a madeira que eu estava usando, e faz sentido. Borrachas duras precisam de mais velocidade para que a bola penetre e tenha mais contato. As macias tem mais facilidade nisso.

Minha maior preocupação era com relação à sensibilidade, sendo a do forehand bem mais macia que a do back, e isso foi resolvido. Vi que a Yinhe Moon Pro Medium tem dureza de 37° na escala Shore A, que é uns 50°, em Shore 0 (da ENS). Então, trocar ela para o forehand parece ser o mais correto.

Amanhã à noite, vou testar.