Raquete Carbonada. Prós e Contras.

Olá pessoal,

Comprei uma raquete carbonada a pouco e gostaria de saber algumas dicas de como usá-la melhor. Ela é muito rápida porém , em jogadas defensivas, estou com muita dificuldades.

  Se vcs poderem me ajudar ficaria feliz.

           Um abraço a todos e a todas.


      Rafael Santiago.

As madeiras que contém fibra de carbono geralmente são mais rápidas mesmo mas oferecem pouca sensibilidade. E em jogadas defensivas como você citou é necessária essa sensibilidade, sentir o toque de bola na raquete.
Agora uma constatação: quem escolhe jogar com madeira carbonada tem que ser um jogador predominantemente ofensivo. Jogadas defensivas nem devem existir, ou devem ser bem poucas. E o jogador é que tem que cuidar para que a partida se desenrole dessa maneira. Como? Tomando a iniciativa sempre. Se você for obrigado a fazer um bloqueio não apenas bloqueie, mas contra-ataque nesse bloqueio. Bata tudo que puder. Se esse não for seu estilo talvez você não tenha feito a melhor escolha.

Boa Nakata.
Só complementando. Eu to usando uma carbonada, fazem alguns anos que eu tenho ela. Porém eu to querendo mudar meu jogo, pra um jogo mais técnico. Por isso estou optando uma madeira de fibra unica, que me ofereça um feeling melhor, sem perder a velocidade.
Realmente se seu jogo for de bolas rápidas e chapadas, as carbonadas são boas opções.
Abraços

Um grande problema delas é que ficar bloqueando passivamente não dá certo, tem que forçar alguns contra ataques, de back até dava, pra fazer uns bloqueios mais lentos, mas de fore era bem dificil, , e num torneio que vc está com a raquete mal colada, ou a mesa é rápida, tem que ter muita perna pra contra atacar tudo. As carbonadas costumam ser pesadas, algumas, usei caronada um tempo e não consegui me adaptar.

O feeling do jogador é importante.

Se não consegue controlar algum tipo de bola deve analizar o movimento, se este está adequado balancear a espessura da esponja, utilizando a mesma versão de borracha com uma esponja mais fina.

De um modo geral é possível utilizar estas madeiras para qualquer tipo de jogo, desde que opte por necessidade e tenha a facilidade de ajuste.

[quote=“Rafa_Santiago”:1o3qw08t]Olá pessoal,

Comprei uma raquete carbonada a pouco e gostaria de saber algumas dicas de como usá-la melhor. Ela é muito rápida porém , em jogadas defensivas, estou com muita dificuldades.

  Se vcs poderem me ajudar ficaria feliz.

           Um abraço a todos e a todas.


      Rafael Santiago.[/quote]

Eu tenho carbonada tbm e ainda por coma uso borracha tensionada; e posso te izer com certeza q é dificil bloquear, precisa aumentar sua sencibilidade e além disso é necessário uma exelente pontaria.

  1. Se vc tiver possibilidade de conseguir treinador experiente faça.

  2. Se sua borracha for rápida use uma mais macia ou com esponja mais fina.

  3. Seus bloqueios nao devem ser passivos, no minimo bem colocados.

  4. Sua raquete vá é rápida e nem sempre vc vai necessitar atacar com sua máxima potência.

  5. Pra finalizar. Não venda sua raquete a não ser em último caso; depois q vc acostuma com a velocidade o jogo com raquete mais lenta fica muito cansativo. ( Opinião própria)

Espero ter ajudado.


Empunhadura: Caneta
Estilo: OFF
Madeira: KWS CarbonFuirous 12mm (CUSTOMIZADA)
Borracha: Bryce

foi por isso que optei por arylate-carbon a raquete continua rapida mas é bem mais facil conseguir bloqueios pois o arylate te da essa opção, assim fica adica se sua raquete esta rapida demais tente uma com arylate quem sabe não da certo.

Bem… continuando o tópico do amigo, vi os comentários sobre não abrir outro tópico, então vou pegar o gancho nesse tópico.

Bem… estou querendo trocar minha raquete por uma Carbonada, mas não queria perder a sensibilidade da bola de uma maneira geral, não só para bloqueios.

Segundo o comentário do amigo mesatenista Tapparo, deduzo que o Arylate é um material que minimiza o efeito da dureza do Carbono, isso é correto???

E se ele não faz isso, existe algum outro material que poderia minimizar o efeito do Carbono??? Kevlar??? titanio??? Vidro??? etc…

Bem… Por último, se não for perguntar demais, existe alguma raquete Classineta carbonada, com uma madeira macia e um material que amenize o efeito do Carbono???

Desculpe a amolação, só queria saber isso!

Desde já agradeço

Abraços mesatenísticos

Correto Medina, se pudermos postar em tópicos já existentes que contenham o mesmo assunto, tal atitude é aconselhável.

Bem... estou querendo trocar minha raquete por uma Carbonada, mas não queria perder a sensibilidade da bola de uma maneira geral, não só para bloqueios. Segundo o comentário do amigo mesatenista Tapparo, deduzo que o Arylate é um material que minimiza o efeito da dureza do Carbono, isso é correto???
Correto. O Arylate é descrito no catálogo da Butterfly como "Vectran Fiber" (não me pergunte o que é isso) e tem propriedade de absorção de impacto. O que a BTY faz é entrelaçar o Arylate com a fibra de carbono, criando assim o Arylate-Carbon.
E se ele não faz isso, existe algum outro material que poderia minimizar o efeito do Carbono??? Kevlar??? titanio??? Vidro??? etc......
Pelo que eu conheço (posso estar enganado) o único material entrelaçado com fibra de carbono que tenha o objetivo de suavizar a dureza da mesma é o Arylate. E não só da BTY, pois a Armstrong, por ex, também tem madeiras com fibra de carbono, Arylate e Arylate-Carbon. A Stiga tem uma madeira chamada Carbokev, mas trata-se de fibra de carbono em uma face e Kevlar na face oposta, ou seja, não é um material híbrido. Titânio? Eu tenho a impressão que é ainda mais duro que fibra de carbono, bem como o Texalium. O material sintético que mais proporciona controle, na minha opinião, é a fibra de vidro (glassfiber). A madeira continua leve, com um sweet spot generoso e há um ganho de velocidade também, embora menor que numa madeira carbonada ou de titânio, claro.
Bem... Por último, se não for perguntar demais, existe alguma raquete Classineta carbonada, com uma madeira macia e um material que amenize o efeito do Carbono???
Pode ser que exista, mas eu desconheço. O que existe com certeza são madeiras carbonadas mais duras ou menos duras. As carbonadas da BTY em geral são bem duras (e muito rápidas também). A Nittaku Waldner Senso Carbon tem o que o fabricante chama de soft carbon e, realmente, seu toque é muito melhor do que de uma Primorac Carbon, por ex. A minha Yasaka Ma Lin Carbon vai por esse mesmo caminho, não é dura como a Primorac Carbon mas também não é tão veloz. A madeira da minha assinatura é um caso a parte. Sua fibra de carbono é soft mas a madeira é muito rápida devido as suas 7 folhas. O toque é bem melhor do que das carbonadas tradicionais. Não por acaso se tornou minha madeira preferida. Seu único ponto fraco é o peso, 90g. Mas eu já me acostumei com isso, prefiro assim do que uma madeira leve e xoxa.

Nakata, vc é o mestre mesmo, vc conseguiu em um único comentário sanar quase todas minhas dúvidas, te agradeço muito, de coração, vc realmente se preocupa com o tênis de mesa, e fico feliz por fazer parte de um esporte que traz tanta cooperação entre os praticantes.

Só um último esclarecimento para tomar minha decisão final, fibra de Vidro vc disse ter um bom toque e um bom controle também, e ter um ganho de velocidade, mas a velocidade seria inferior à Yasaka Ma Lin soft Carbon??? ou seria +ou- parecida a velocidade??? Se a Yasaka for mais rápida, o controle dela seria tão bom quanto uma raquete com fibra de vidro???

Se puder me ajudar eu agradeceria muito

Abraços mesatenísticos

Eu nunca testei uma Ma Lin Soft Carbon, a minha madeira é a Ma Lin Carbon. Mas eu acredito que a Soft Carbon seja parecida com a Waldner Senso Carbon (clássica que eu também tenho aqui, não sei p/ que). De qualquer maneira, ambas têm um bom toque mas não melhor que a Persson Powerfibre (de fibra de vidro). Essa sim tem um toque excelente, parece até madeira de 5 folhas pura.
Bem, deixa eu parar de enrolar e tentar responder sua dúvida. A velocidade não é algo fixo numa madeira. O toque até que não varia tanto já que o material sintético usado é o mesmo em 2 exemplares da mesma marca e modelo, mas a velocidade varia demais dependendo do peso da madeira. Ex.: vou comparar 2 madeiras que eu tenho.
1 - Donic Persson Powerfibre (fibra de vidro, 88g)
2 - Yasaka Ma Lin Carbon (fibra de carbono, 85g)
A Persson acabou ficando com melhor toque e mais veloz que a Ma Lin, mas tenho certeza que se eu escolhesse uma ML de 90g ela seria mais veloz que a Persson.
Então se você puder escolher entre um modelo de 82g e outro de 89g, por ex, vá no mais pesado. Além de mais veloz vibra menos também.

Obrigado mais uma vez Nakata, acho difícil, mas o dia que precisar de mim, estarei por aqui, e se puder ajudar será um prazer imenso.

Abraços Mesatenísticos

bom eu tambem comprei uma raquete dessa, e usava com borracha tencionada mas no bloqueio ficou muto dificio e como num jogo naum da pra atacar toda hora até mesmo porque o adversario naum é besta vc tem q ter um pouco de controle ai vc cola uma borracha mais lenta pra dar um controle melhor.

abraço

off+
aelous-s
marck v 2.0
canhoto caneteiro