Borrachas Xiom

Bom dia,

Estou procurando alguma alternativa para borracha pra que eu use no backhand, e dai me surgiu algumas dúvidas ao pesquisar sobre as borrachas da Xiom, eu sei que dentro de cada série existe as mais macias até as mais duras, mas qual a diferença entre as séries, Vega, Omega III, Omega IV, Omega V, Sigma? é uma evolução, ou são especifico para estilos diferentes. Pesquisei mas não achei algo conclusivo, na maioria se comparam entre duas séries diferente, ficando dúvida no geral entre elas.

Sei que a linha Omega III, IV e V são “evoluções”. Porém joguei apenas com a omega V e com a vega. As Sigma acho que são esponjas mais duras. As da linha Omega te dão bastante velocidade e efeito, as da linha vega percebi que o Throw angle é maior, e que o efeito e a velocidade são um pouco menores do que as da linha Omega. Para os estilos diferentes, tem um pouco mais da questão se é PRO, EURO, TOUR, Elite, CHINA etc. Na minha percepção, as Euro sãomoles, as pro são duras, as tour são intermediárias. as outras não testei. Sei que a elite é a mais mole e a China a mais dura.

Eu já tive a oportunidade de testar a maioria desses modelos, e te digo que é bem difícil fazer uma comparação tão abrangente. São muitas borrachas e muitas características diferentes.

Tentando uma certa generalização, como de certa forma já apontou o Julio, geralmente as “euro” são as mais macias e as “pro” as mais duras, embora nas versões mais novas esta diferença tenha diminuído muito. As versões “Japan” e “Asia” são geralmente intermediárias.

A Vega é uma linha excepcional, tem borracha para todo gosto e necessidade ali. Entre as Omegas, como vc mesmo disse, basicamente trata-se de uma evolução entre os modelos, sendo que tem muita gente que ainda prefere a linha IV (eu por exemplo). As outras tem algumas características específicas, mas enfim, acaba que as principais linhas deles são a Vega e a Omega mesmo.

Se o que vc espera de uma borracha de backhand é não ser muito rápida e bem macia (típico de quem usa o backhand de forma mais defensiva), a Vega Europe é uma ótima. Se espera algo um pouco mais rápido para trocar bola mais agressivamente, a Omega IV Euro ajuda bastante, sendo um pouco menos macia apenas.

Abraços!!!

Da linha Vega eu conheço quase todas, exceto a Vega Japan, justamente a que tem as melhores críticas.

  • Vega Elite: Mole demais, sem velocidade e o pior, sem muito efeito. Detestei.
  • Vega Europe: Macia, sem ser molenga e excelente para o backhand de classista ou de classineta.
  • Vega Asia: Tem dureza média e é bem ofensiva, excelente opção para caneteiros de madeira quadrada. Atualmente eu uso uma no meu RPB.
  • Vega Pro: Dura, pesada, veloz demais e com um controle ruim na minha opinião. Parece que passou do ponto na equação velocidade x controle.
  • Vega China: Tem esponja dura e topsheet que gera mais efeito entre todas, mas não dispara muito a bola.
    E a Vega Japan é um meio-termo entre a Euro e a Asia.
    De resto a única que testei foi a Omega 3 Europe, que é mais macia que a Vega Europe e dá um controle excelente e velocidade média.

Eu conheço a linha Vega apenas, Versão Asia e Europe.
Em relação a Vega e Omega, a Vega seria mais lenta? Ou não teria como comparar?
SEmpre falam bem das Omega IV, penso em testar ela.

Eu acho as omega IV mais rápidas e com esponja um pouco mais firmes que as Vegas equivalentes… Já as sigmas 1, 2 não entendi muito bem a proposta e acho que confunde um pouco a cabeça do consumidor. Mas a xiom é especialista em lançar bons produtos com projeto se vendas truncado. É só ver a confusão que virou o catálogo deles a partir do lançamento da linha hayabusa e mais recentemente quando resolveram que seria legal fabricar raquetes com o mesmo nome das borrachas… Hahahahahaha. É bom lembrar que os produtos produzidos por eles são ótimos, tenho vários e gosto muito, mas a galera do marketing… Hehehehehehe

Boa noite!

Didiosan, vi que tem raquete Cornilleau Gatien Absolum. Me fale sobre essa raquete e também se vc conhece a Gatien Conquest também da Cornilleau.

Boa tarde.
Nunca usei nem testei a Conquest. A Absolum é vai na linha da Ebenholz VII na Stiga, uma 7 folhas allwood com camada externa de Ebony, uma madeira mais dura. A ideia é aumentar a velocidade, aumentar o sweet spot e dar um feeling mais firme à madeira. Eu gosto muito dela, tem um controle muito bom, mas não é aquela madeira xoxa, sem punch, muito pelo contrário. Sobre o sweet spot, bom lembrar que mesmo ligeiramente melhor que uma madeira com folha externa mais macia, como limba por exemplo, nem se compara a uma carbonada nesse sentido. E apesar de ter um shape um pouco menor que o padrão butterfly (xiom tbm usa o mesmo padrão em quase todas as raquetes), ela é bem pesadinha, mas nada que dificulte o jogo.
Abraço.